Retenção de clientes: o que é, importância e dicas essenciais

A retenção de clientes é um dos processos mais vantajosos para as empresas. Descubra como mantê-los e busque o sucesso para a sua empresa

Em meio a tantos concorrentes e opções no mercado, reter clientes se torna um fator-chave para o sucesso e grande diferencial de qualquer corporação. 

É através da retenção dos clientes que é possível chegar mais próximo à fidelização dos mesmos, trazendo diversas vantagens.

Neste post, você aprenderá mais sobre o significado da retenção de clientes, as principais vantagens desse processo e algumas dicas essenciais para manter seus clientes sempre engajados com a marca. 

Confira!

O que é a retenção de clientes?

A retenção de clientes, como o próprio nome indica, significa manter os clientes efetuando negócios com a empresa. 

A diferença entre retenção e fidelização — apesar de serem interdependentes — é que a retenção serve como um grande passo à fidelização, mas não chega necessariamente nesse nível. 

É possível reter clientes que não são fiéis à marca pelo simples fato de que são oferecidos maiores descontos e promoções. Ou seja, o cliente é retido apenas pelo preço, e não pela fidelidade à marca.

Mas há diversos caminhos para reter clientes mais eficazes, que facilitam a fidelização dos mesmos. 

Os mais conhecidos são os famosos programa de fidelidade, que envolvem benefícios exclusivos, promoções e descontos. 

Mas a retenção envolve muito mais do que isso, e deve englobar todas as áreas de uma empresa para que seja eficiente.

Você conhecerá alguns desses caminhos mais à frente. 

Mas, afinal, por que reter clientes é tão importante?

Importância de reter seus clientes

A retenção de clientes, como já foi dito, é um fator-chave para o sucesso. 

Há empresas que dependem mais da retenção, como as que oferecem serviços de assinatura como academias e canais de streaming. 

Porém, mesmo para empresas que vendem produtos, reter os clientes é um objetivo interessante e pode gerar ótimos resultados. 

Por meio dela, é possível ter clientes que geram uma receita constante para a empresa. Dessa forma, mesmo em períodos de crise, uma parte da receita estará garantida. 

Além disso, ao aplicar boas estratégias e táticas de retenção, é possível alcançar a fidelização, quando os clientes se tornam quase inseparáveis da marca. 

Mas como isso pode aumentar meus resultados?

Simples! Com clientes fiéis à marca, além de ser possível aumentar a margem de lucro por cliente, pois, mesmo com preços elevados, eles terão preferência pela marca, também é mais provável a criação de promotores da marca. 

Os promotores podem divulgar a marca através do marketing boca a boca e trazer alta performance para o negócio. 

Há diversas outras vantagens que a retenção pode trazer, como aumento das vendas, reconhecimento de marca, entre outras. 

Para se aprofundar mais na fidelização de clientes, visite este post, onde você aprenderá tudo o que precisa saber sobre o tema. 

Mas fique mais um pouquinho no texto para saber mais!

Como reter clientes: 4 dicas essenciais para uma retenção eficaz

A retenção de clientes vai além de apenas uma área da empresa — ela envolve a companhia como um todo. 

É importante ter em mente que o cliente é a fonte de receita da empresa, portanto, todos devem cooperar para proporcionar a melhor satisfação ao cliente possível. 

Confira quatro dicas essenciais para conseguir reter mais clientes. 

1. Invista em um bom atendimento ao cliente

O atendimento é uma das áreas mais importantes de uma empresa. É por meio dele que é estabelecido um contato mais profundo com os clientes, conseguindo dados valiosos dos consumidores. 

Portanto, é essencial que você tenha uma área focada na resolução dos problemas dos clientes. Além disso, conheça seu público e procure adaptar sua abordagem conforme seu perfil. 

Assim, é possível ter mais proximidade com os consumidores, que sentem-se mais confiantes com a marca e tem mais chances de voltar a fazer negócios com a marca. Um bom atendimento ao cliente é a um dos pilares para a retenção.

2. Ofereça um programa de fidelidade

Os programas de fidelidade, combinados com outras estratégias para retenção, são boas opções. 

Isso porque apenas o programa pode criar clientes dependentes do preço, e não necessariamente fiéis à marca em si, como foi dito anteriormente.

Mas é uma tática válida, que colabora para a estratégia como um todo, podendo aumentar significativamente a retenção de seus clientes.

3. Analise a performance da estratégia

Para reter os clientes com eficiência, é importante estar sempre atento aos resultados que isso está trazendo para o negócio e o que se pode fazer para otimizá-los, sempre se adequando às necessidades dos clientes.

Os feedbacks, por exemplo, são uma opção interessante para o melhor desenvolvimento da estratégia. Por meio deles, é possível ter insights interessantes e muito relevantes. 

Portanto, sempre que possível, procure saber a opinião dos clientes em relação a novas políticas da empresa, processos operacionais e outros fatores que podem afetar a performance da empresa.

4. Tenha processos de pós-venda eficientes

Quando falamos em reter clientes, uma das primeiras ideias que deve vir à mente é o processo após a venda do serviço ou produto. 

É esse processo que concretiza a retenção de fato, e, se mal feito, pode causar um efeito negativo e afastar os clientes da marca. 

Após as vendas, certifique-se de ter uma equipe de suporte sempre disponível para que os clientes possam tirar suas dúvidas e solicitar manutenção e reparos, caso necessário. 

Além disso, agora que o cliente já foi convertido, é possível enviar conteúdos exclusivos, promoções e outros benefícios, que colaboram para a imagem da marca e a retenção do cliente.

Agora que você sabe como aumentar a retenção dos clientes, confira o post sobre como fidelizar clientes e conheça as principais estratégias para tal fim. 


Escrito por

Zenvia

Fique por dentro e confira as nossas dicas sobre o mercado mobile e interação digital.