blog-herobg.jpg

BLOGZENVIA

Confira nossas dicas e conteúdos
sobre mercado digital
Chatbot Inteligente

Como criar um chatbot inteligente e bom de conversa

Quer saber como criar um chatbot inteligente de verdade? Acompanhe as dicas no blog da Zenvia

Em nosso blog, já falamos sobre o que é bot e como isso tem mudado a maneira de interagir com clientes. Mas, muito além de ter esse sistema, possuir um chatbot inteligente e humanizado é essencial para garantir o melhor resultado em estratégias conversacionais.

É por isso que, antes mesmo de criar um chatbot, é fundamental entender qual é a melhor maneira de ele falar com o cliente e, assim, proporcionar uma experiência de compra assertiva e agradável.

Chatbot inteligente: qual a identidade da sua marca?

A primeira coisa que se precisa ter em mente é que o chatbot é mais que um assistente conversacional: ele é um representante e, por isso, está associado à identidade da marca.

Assim, da mesma maneira que se projeta a identidade visual de uma marca, bem como os detalhes de um site, é importante planejar um fluxo da conversa, com textos e informações que façam sentido para o usuário.

Graças às diferentes características e funcionalidades de um chatbot, é possível criar diálogos úteis. Mas, para que essa construção faça sentido, o primeiro passo é pensar em uma persona para chatbots.

Como criar uma persona para chatbot

A primeira coisa que você precisa considerar para criar uma persona para o bot é conhecer o seu público e, assim, definir qual é a maneira ideal de interagir com ele. Defina, portanto, o perfil do seu consumidor.

Agora, imagine que a marca é uma pessoa e que ela tem traços de personalidade e hábitos de linguagem. Comece, então, definindo como essa pessoa falaria em um chat. Vale a pena pensar em questões como:

  • A voz dela é masculina ou feminina?
  • Quais termos ela usaria com maior frequência?
  • Ela utiliza gírias e termos populares?
  • Essa pessoa utiliza emojis?
  • Ela vai fazer perguntas ao consumidor? Quais?

Quanto mais abrangente e personalizado o perfil, melhor será a experiência com o seu bot. O ideal é que as pessoas sintam que realmente estão falando com outra pessoa, assim como falariam com um amigo em um bate-papo.

E que tal escolher um nome para o seu bot? Assim, ele será ainda mais amigável e real.

O desenrolar da conversa

Com a personalidade definida, está na hora de pensar na conversa. Como o seu bot irá se apresentar para usuário? Ele pode começar se apresentando, oferecendo opções para o cliente e perguntando o nome, como é o caso do nosso Zenbot. Veja só:

Como Criar um Chatbot Inteligente

Na imagem acima, note que um chatbot inteligente consegue identificar informações como o nome, por exemplo, com facilidade. Na resposta “Meu nome é Letícia”, um chatbot sem inteligência poderia ter respondido: “Certo, Meu nome é Letícia! Por favor, me informe o seu e-mail profissional [...]”.

Para definir a abordagem e as perguntas que o seu bot irá fazer, avalie quais são as principais informações que o cliente geralmente costuma procurar no seu site, ou mesmo com a sua equipe de atendimento. Essa é uma excelente oportunidade de educar o usuário e garantir leads qualificados.

Há inúmeras maneiras de personalizar um bot. O importante é que ele atenda à necessidade do cliente e da marca. Em um e-commerce, por exemplo, é possível até mesmo transformar o seu chatbot em um vendedor que oferece promoções e itens relacionados àquilo que o consumidor está procurando.

Está preparado para começar a integrar o chatbot em suas estratégias? Conheça a plataforma da Zenvia e veja como é possível melhorar o relacionamento do cliente com o seu negócio!

ASSINE NOSSA NEWSLETTER

Fique por dentro e confira as nossas dicas sobre o mercado mobile e interação digital.

New Call-to-action

POSTS MAIS LIDOS