blog-herobg.jpg

BLOGZENVIA

Confira nossas dicas e conteúdos
sobre mercado digital
coffee-n-bots

Coffee 'N' Bots: evento na Zenvia SP reúne executivos de grandes empresas para cafézinho com chatbots

"Perceber que os clientes interagiam com nossos chatbots nas duas primeiras horas nos permitiu alterar o horário da equipe de atendimento", afirma Zaqueu Ribeiro Santos, do time de Projetos e Processos da Fast Shop, cliente da Zenvia na Plataforma de Chatbots. A experiência do executivo de uma das maiores redes varejistas do Brasil foi compartilhada durante o Coffee N’ Bots, evento realizado na terça, 28 de agosto de 2018, no escritório da Zenvia em São Paulo.

O evento, criado para reunir clientes para um café da manhã, contou com um workshop sobre casos de uso e possibilidades com chatbots ministrado por Raphael Godoy, head de Marketing da Zenvia, as visões de Billy Garcia, evangelista conversacional da Zenvia, e com o compartilhamento de experiências de clientes, como a Fast Shop. Além disso, os presentes puderam tirar dúvidas sobre a tecnologia.

Para Raphael Godoy, eventos como o Coffee N’ Bots possibilitam uma aproximação de pessoas que nem sempre têm a oportunidade de ter contato com as novas tecnologias. "Não é mais possível continuar fazendo o relacionamento entre marcas e empresas do mesmo jeito. Fora isso, cerca de 70% dos entrevistados em uma pesquisa sobre marketing conversacional consideram os bots a comunicação do futuro. Não é modismo, é mudança de comportamento”, ressalta.

Zaqueu Ribeiro Santos, da Fast Shop, acredita que essa tecnologia tem tudo para crescer dentro da Fast Shop. “Nossos resultados com chatbots foram muito bons e, inclusive, outras áreas da empresa já estão interessadas em aplicar em seus processos”, atesta.

No papel de evangelizador, Billy Garcia mostra como as tecnologias conversacionais estão mudando a forma como as pessoas se relacionam com as coisas, abrindo inclusive possibilidades para pessoas que muitas vezes ficavam na periferia das evoluções tecnológicas. “Pessoas que não conseguiam mexer em recursos complexos, nesta nova era podem resolver suas demandas a partir de conversas, como fazer compras online, fazer pagamentos no internet banking etc, tudo de forma conversacional”, diz Billy.

Saldo do evento:

  • 10 litros de café
  • 6 litros de suco de laranja
  • 60 unidades de pão de queijo
  • 3 horas de conversas estimulantes sobre chatbots
  • 3 speakers
  • 5 cases de clientes
  • 25 executivos entendendo a revolução que os chatbots representam

 

Se você também quer entender e experimentar a revolução criando chatbots para sua empresa, basta começar agora mesmo:

Quero criar chatbots grátis

ASSINE NOSSA NEWSLETTER

Fique por dentro e confira as nossas dicas sobre o mercado mobile e interação digital.

New Call-to-action

POSTS MAIS LIDOS