Técnicas simples para vender por e-mail como um especialista

Você quer vender por email mas não tempo para redigir? Com estas dicas e modelos você poderá fazer isso!

Depois de muito tempo enviando e-mails de vendas, vou revelar ao mundo alguns segredos que descobri. Eu sou o fundador da Sirena (atualmente Zenvia Conversion). Sou advogado, mas há alguns anos descobri que minha paixão é o marketing. É, por isso, que quero compartilhar algumas dicas e exemplos que aprendi e que no início da minha carreira empreendedora e que me ajudaram a conseguir clientes rapidamente.

Antes de mais nada, gostaria de deixar algo claro:

Se quem está lendo essas linhas é um especialista internacional em marketing ou alguém que fale todos os dias no WhatsApp com Phillip Kotler, provavelmente não estará interessado no que vou dizer.

Por outro lado, um líder de qualquer outra área que está visitando este site, recomendo que continue com a leitura, uma vez que esse artigo foi criado para impulsionar as vendas através de técnicas de marketing simples, eficazes e, acima de tudo, fáceis de aplicar.

Não precisa ser um copywriter profissional para fazer marketing por e-mail. Portanto, a proposta é que quem está lendo pare de quebrar a cabeça pensando em como escrever um e-mail. Comece a aplicar essas dicas e exemplos de e-mails que melhoraram suas vendas em 40%.

A pessoa que leia atentamente este artigo estará capacitada para escrever e-mails de vendas sem esforço:  acessará técnicas de escrita 100% testadas e venderá muito mais sem a necessidade de ler páginas e páginas de livros sobre o assunto. Então, com a permissão de Kotler, aqui vamos nós.

AIDA, a senhora legal que lhe ajudará a vender por e-mail

Bem, não é realmente uma senhora. Mas, quase. Porque este esquema é exitoso há vários anos e aquelas pessoas que o usam, muitas vezes passam a amar mais do que a própria avó.

O AIDA consiste em pensar no e-mail com quatro partes fundamentais.

Atenção

Interesse

Desejo

Ação

  1. Atenção

Atenção não é nem mais nem menos que despertar a curiosidade. Na vida cotidiana, as pessoas recebem muitos estímulos, mas costumam responder apenas aos que estão relacionados à própria atividade. Em resumo, só dão atenção para aquilo que está relacionado a eles.

Tudo o que afeta o nosso “eu” é objeto de atenção.

“Você pode obter um benefício maior se …”, “Isto é tudo o que você não sabia sobre …”, ou, “É assim que você pode vender mais sem esforço …”, chamam a atenção entre as pilhas de e-mails que alguém recebe. No caso de e-mails, é claro, a atração deve ser gerada a partir do assunto.

  1. Interesse

O que tentamos fazer ao captar a atenção é gerar o interesse. Em síntese, o interesse é uma forma de curiosidade não concluída,  mas que deve ser continuada.

O interesse deve ser despertado com uma oferta. Nesta segunda etapa, o interesse deve ir diretamente ao produto e os serviços que fornecemos.

  1. Desejo

Supondo que o anunciante tenha captado a atenção do consumidor e a tenha mantido. O seguinte passo é criar o desejo no anúncio. A história deve ser relevante para que o produto seja irresistível.

O desejo se constrói vendendo as características de um produto, mostrando sua superioridade aos produtos similares  existentes e sempre demonstrando versatilidade.

Basicamente, esta é a apresentação da proposta de valor de um produto ou serviço: os benefícios que induzem um consumidor a selecionar tal oferta em particular, o que o leva à decisão de comprar.

Essa parte do modelo AIDA  às vezes se conhece como decisão. É que, uma vez que o desejo foi criado, a decisão está quase tomada.

  1. Ação

A ação se concreta na aquisição do bem ou serviço oferecido. A mensagem deve levar à ação. É aqui que colocamos  call to action, que em geral se localizada como um link no final do e-mail.

Este é um e-mail que escrevemos na Zenvia Conversion no o formato A I D A:

Assunto: Três erros comuns que impedem sua empresa de vender mais

Olá, [nome da pessoa]

Se você já nos segue, sabe que somos determinados em melhorar a comunicação entre os vendedores e os clientes.

Nossa experiência trabalhando em diferentes indústrias nos mostra que há três erros universais que impedem que sua equipe de vendas tenha 100% de desempenho. O fato de cometer esses erros faz com que:

  • Seus vendedores dão pouco seguimento aos prospectos, tornando baixa a conversão de leads em vendas.
  • Não retornar a rápido a ligação porque não têm como ser notificados e tudo fica mais complicado se a base de leads não é centralizada.
  • Os vendedores ficam frustrados porque fazem muito esforço para gerenciar leads que muitas vezes não são qualificados.

Agora, imagine ser capaz de resolver todos esses problemas e parar de cometer todos esses erros comuns que detectamos em centenas de equipes de vendas em toda a América Latina.

Eu garanto a você que todos esses problemas que seus vendedores experimentam todos os dias são 100% possíveis de solucionar e respondem a três grandes erros que vou revelar a você em um seminário on-line que acontecerá na próxima semana, terça-feira 24 de abril. >> CLIQUE AQUI PARA SE REGISTRAR.

Atenciosamente,

Julian Bender

Este é um seminário inédito na história da Zenvia Conversion, raramente compartilhamos material desse tipo em um evento online, por isso, convido a você para que se inscreva e participe do seminário, pois não sabemos quando vamos repetí-lo . Reserve o seu lugar aqui.

Entre muitas outras táticas, o modelo AIDA se destaca como um elemento muito útil para organizar as informações que um bom e-mail de marketing deve conter.

O assunto é tão importante quanto uma primeira impressão

É como um primeiro encontro: é o motivo que faz com que as pessoas queiram continuar conosco … ou que nos descartem.

primera_impressão_emails

Segundo uma pesquisa, 69% das pessoas catalogam um e-mail como spam apenas lendo o assunto.

Por tal motivo, aqui estão algumas dicas que me ajudaram a atingir uma taxa de abertura de meus e-mails em mais de 60%.

Sou conciso

É fundamental reduzir a linha de assunto a menos de 10 palavras. Por que? Porque aprendi que muitos clientes de e-mail perdem o interesse quando o assunto excede esse número. Além disso, é menos provável que  abram o e-mail se o assunto tiver mais de 10 palavras.

As estatísticas são claras. A taxa de abertura de e-mails é reduzida, na medida em que mais palavras são incluídas.

open_rate

Fonte: www.superoffice.com

Pergunto

Fazer uma pergunta é uma técnica que funciona bem no campo: assunto. Porque incentiva a curiosidade. Ao abrir o e-mail, o cliente tentará responder a pergunta que está sendo realizada.

Você precisa de um carro maior? Nós temos a solução

Você precisa melhorar seu corpo para o verão? Este treinamento funciona.

Todas as linhas de assunto anteriores fazem uma pergunta, dão uma resposta e têm menos de 55 caracteres.

Listas, listas everywhere

Nós amamos elas. É impossível não cair na tentação, pelo menos uma vez por dia, de entrar em um artigo / e-mail que tenha como título uma lista.

Uma lista dá ao cliente uma mensagem subconsciente de que o e-mail está organizado de uma maneira que facilita a leitura. A pessoa se sentirá mais obrigada a abrir o correio eletrônico se souber de antemão que não haverá um bloco incompreensível de texto dentro dela.

Já foram vistos inumeráveis vezes, mas estes são bons exemplos.

Top 5 carros para trilha.

10 produtos sem os quais você não pode viver.

3 maneiras de economizar dinheiro remodelando sua casa.

Personalizar é demonstrar que você está interessado no cliente

Tanto incluir o nome da pessoa, como tratá-la de uma maneira mais personalizada,  gera um efeito positivo na taxa de abertura de seus e-mails de vendas.

Taxa de abertura com o nome da pessoa no assunto.

open_rate

Fonte: Hubspot.

Taxa de abertura de e-mails que incluem a palavra “você”.

open_rateFonte: Hubspot.

Cuide do corpo do e-mail

Uma vez tenha sido criado o assunto infalível, é hora de preparar o corpo do e-mail.

Aqui um resumo de tudo que deve ser feito com o corpo para vender.

Fale sobre benefícios, não características

Nós, que enviamos e-mails, já sabemos o valor do que oferecemos, mas o destinatário ainda não sabe. É, por isso, que devemos explicar a ele. O problema é que muitos e-mails explicam apenas a característica que oferecem, não o benefício.

Menos é mais

Um dos piores erros que os escritores de e-mail cometem é tentar incluir TUDO na mesma mensagem.

Isso é algo que eu aprendi observando como eu mesmo reajo diante de uma mensagem longa: se estou com vontade de ler, procuro as palavras gerais para entender do que se trata o e-mail e na melhor das hipóteses, realizo alguma ação. Mas nunca leio tudo.

Ao escrever demais, dificultamos que um destinatário se decida em clicar, porque não consegue filtrar rapidamente todas as informações que são apresentadas a ele.

As estatísticas demostram isso: um e-mail de aproximadamente 200 palavras seria o ideal, mas quanto mais passa desse número, menores as chances do leitor clicar no Call to Action.

CTA

Fonte: Hubspot.

As imagens e o design não devem ser descuidados

O fato do e-mail ter imagens é importante para o impacto visual, mas tenha sempre em mente que a quantidade e o tamanho das imagens podem prejudicar a leitura da sua mensagem: alguns clientes inclusive bloqueiam aqueles e-mails que são muito pesados.

Quanto ao design, também há um problema de adaptabilidade: seu e-mail deve ser legível em qualquer dispositivo, seja celular, tablet, computador de mesa ou notebook.

Se não posso conseguir fazer com que funcione bem para todos os dispositivos, costumo priorizar o celular: mais de 50% dos e-mails são lidos neste tipo de dispositivos.

Como não sei criar design e muitas vezes o designer da minha empresa está muito ocupado com outras atividades, uso a plataforma de e-mail marketing do Hubspot para isso. Também outras empresas como a Mailchimp ou a Aweber oferecem serviços similares.

Ter um Call to Action claro

É necessário dizer aos leitores exatamente o que eles devem fazer a seguir.

O Call to Action deve ter informações atraentes, mas sem se exceder. Sempre em linha com a estética do resto do e-mail, é importante que um CTA apareça grande e seja fácil de identificar. Usar um botão projetado com uma cor chamativa é uma prática habitual.

O poder do postdata

Lembrar as pessoas do prazo de finalização ou repetir o que elas podem perder se não aceitarem sua oferta, são exemplos que funcionam muito bem no final de sua mensagem.

Atenção: até aqui compartilho uma série de dicas para vender mais por e-mail.
Para conhecer outras mais, recomendo visitar este artigo.
A partir de agora, mostrarei os modelos mais eficazes que me serviram para aumentar a conversão de meus e-mails em 60%

Os modelos de e-mail que salvaram minha empresa

Quando comecei com a Zenvia Conversion, tinha lido algumas dessas dicas, mas para construir uma verdadeira máquina de marketing eu precisava de muito mais do que tais dicas. Queria ter esse trabalho praticamente resolvido porque, como empreendedor, também devia me ocupar de outras tarefas.

Quando consegui reunir alguns modelos, uma grande parte das minhas tarefas se resolveu. Lembro-me com carinho daquela época em que os modelos salvaram minha empresa. Hoje os carrego no coração e quero que aconteça a mesma coisa com todos vocês.

plantillas de mensajes

Aqui estão alguns dos exemplos que me deram mais resultados:

Exemplo 1: genérico

Olá, [nome do cliente]

Eu sei que você provavelmente está ocupado, então eu vou ser breve.

Eu trabalho com empresas como [nome da empresa] para ajudá-las [insira o benefício principal, Por exemplo, obter mais leads qualificados]. O que nossos clientes mais apreciam é [principal ponto de venda. Por exemplo: que nossa plataforma permite que os leads sejam atendidos em menos de 15 minutos].

Eu adoraria dar a você ou a alguém de sua empresa uma demonstração de 20 minutos de como fazemos isso. Na próxima terça ou quarta-feira estaria bem para você?

Uma saudação cordial,

[meu nome]

Exemplo 2: a pessoa certa

Olá, [nome do destinatário],

Estou tentando entrar em contato com a pessoa da [área da empresa] na [empresa].

Por favor, você poderia me indicar a pessoa correta e se possível qual seria a melhor maneira de contatá-la?

Exemplo 3: problema comum da indústria

[Nome do destinatário], como vai?

Devido a que trabalho muito com [minha indústria objetivo],  acompanho constantemente as notícias da indústria. Recentemente, percebi que você tem [inserir ação da empresa].

Geralmente, quando isso acontece, [problema da companhia] se torna uma prioridade. É, por isso, que pensei que você poderia estar interessado em descobrir como ajudamos [empresa similar] a agir rapidamente e sem maiores danos.

Se você deseja mais informações, podemos agendar uma ligação rápida. O que você acha de [dia e hora]?

Atenciosamente,

[seu nome]

PD: se você não é a pessoa adequada para conversar sobre esse assunto, com quem você recomenda que eu fale?

Exemplo 4: retomando o contato

RETOMAR_O_CONTATO_EMAIL

Olá, [nome do destinatário],

Como vai? Espero que bem.

Lembrei que na última vez que nos falamos, você estava interessado em [característica X]. Fizemos um progresso significativo nisso e a nova solução é muito apreciada por muitos de nossos clientes.

Eu adoraria compartilhar com você essas atualizações quando esteja disponível. Por favor, deixe-me saber se [data e hora] se ajusta ao seu calendário. Se não, não hesite em sugerir um melhor momento.

Por favor, peço que se você tiver alguma dúvida me avise antes, assim poderei ter as respostas no momento de nossa conversa.

Tenha um bom dia,

[meu nome]


Exemplo 5: objetivos

Olá, [nome do destinatário],

Eu verifiquei seu site e vejo que você está tentando [atingir o objetivo específico X]. Sem fazer nenhuma suposição sobre seus objetivos comerciais, acredito que [minha empresa] poderia ter um papel fundamental no seu sucesso.

Se você não está familiarizado com [minha empresa], nossa solução ajuda as empresas a [o que minha empresa faz] com três objetivos principais:

[Objetivo # 1]

[Objetivo # 2]

[Objetivo # 3]

Se você quiser mais informações,  agendamos uma ligação. O que você acha no [dia e hora]?

Atenciosamente,

[Meu nome]

Exemplo 6: benefícios

BENEFICIOS_EMAIL

Olá, [nome do destinatário],

Espero que seu e-mail esteja correto! Gostaria de entrar em contato porque [explique como obtivemos suas informações de contato e como nos relacionamos com eles: falei com um colega, vimos sua companhia on-line, etc.].

[Nome da minha empresa] tem um novo produto que pode ser muito útil para [nome da organização do destinatário]. Este produto permitirá que você:

[Benefício]

[Benefício]

[Benefício]

Vamos explorar como o [nome do meu produto] pode ajudar especificamente sua empresa. Você está disponível para uma conversa por telefone no dia [data e hora].

Atenciosamente,

[Meu nome]

Resolver coisas grandes com recursos pequenos

Sabe-se que você pode contratar alguém para escrever esses e-mails em seu lugar ou mesmo terceirizar o trabalho. Mas, também é verdade que a maioria das empresas nos estágios iniciais de seu desenvolvimento não podem contar com esse recurso e o líder de uma pequena ou média empresa não tem tempo para tudo.

Por isso, quem quiser resolver coisas grandes e não tenha um orçamento confortável, pode recorrer a estes e-mails baseados em modelos e usar essas dicas simples. É a solução ideal para começar. O esforço é mínimo e os resultados são instantâneos!

A menos sua intenção seja de se tornar um especialista no questão e deixar de lado o resto das coisas que você deve realizar na empresa.?

Em resumo:

  • O assunto é a primeira impressão. Se você não se apresentar de maneira atraente, dificilmente os leads vão querer continuar um relacionamento comercial com você.
  • O corpo não deve ter muita extensão. É importante que você capte o interesse, desperte o desejo e incite à ação do prospecto.
  • Um template ou modelo resolve estes problemas de maneira simples. Você não precisa ser um copywriter profissional para aplicá-lo.

Você já sabe o que fazer quando conseguir estes leads que tanto desejava?

LEADS_EMAIL

“Vender a eles”, você dirá. Você sabia que os vendedores levam dias para ligar para os leads que provêm de campanhas digitais? E muitas vezes nem sequer entram em contato com eles?

Esta é uma realidade que afeta a maioria das empresas e faz com que muitos clientes acabem escolhendo a concorrência, pois, foram mais rápidos em fazer o primeiro contato.

É, por isso, que criamos na Zenvia Conversion, o aplicativo que diminui o tempo de contato inicial para menos de 15 minutos, desde quando o cliente em potencial deixa seus dados.

As empresas que usam a plataforma Zenvia Conversion já estão melhorando o seguimento dos clientes e vendendo até o dobro de antes.

Escrito por

Nahuel Gomez

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.