Como usar o SMS em empresas de segurança e vigilância

O SMS é um canal ágil para enviar comunicados para clientes e forncedores. Conheça alguns casos de uso de SMS para empresas de segurança.

O meio empresarial está imerso em uma realidade que vem se  transformando rapidamente. Quando o assunto é comunicação com o  público, a tecnologia tem sido a engrenagem de mudança de padrões e de  velocidade. E não precisa ser uma grande corporação para estar presente em diferentes canais de comunicação com os clientes. As pequenas empresas também investem em relacionamentos via redes sociais, WhatsApp, telefone e SMS.

O SMS em empresas de segurança e vigilância, por exemplo, é uma forma ágil e eficiente de se comunicar com clientes e fornecedores.  Afinal, além do SMS ter grande aderência porque não precisa de conexão com a internet ou celulares de ponta, também é uma forma econômica das empresas começaram a investir em novos canais de comunicação.

Tudo isso porque hoje existe o conceito de Plataforma de Comunicação como Serviço, a CPAAS, na qual a empresa contratante, além de não precisa investir em equipe técnica pode investir em um pacote de envio de SMS que esteja mais de acordo com o tamanho da sua base de clientes.

Quer conhecer alguns casos de uso do SMS em empresas de segurança e vigilância? Continue a leitura do artigo!

Quer conhecer alguns casos de uso do SMS nas empresas de segurança e vigilância? Continue a leitura do artigo!

O uso do SMS para empresas de segurança e vigilância no atendimento ao cliente

O SMS é utilizado por empresas de segurança e vigilância para contato entre cliente e fornecedores de serviço — ou, ainda, enviando alertas via  mensagem de texto. Tudo isso é possível em tempo real, graças a integração  da plataforma de gestão de uma empresa de segurança com a plataforma  de disparo de SMS

Uma empresa de vigilância, por exemplo, pode utilizar esse canal para  contatar, de forma simultânea, diversos destinatários. A velocidade com  que essa transmissão de mensagens é feita é um fator que reforça  quesitos como segurança e assertividade. A captação de clientes no setor  de vigilância e segurança já é, por si só, um grande trabalho. Para que o  consumidor contrate serviços da sua empresa, precisa confiar tanto na marca  quanto na equipe que estará a cargo da tarefa. 

Além disso, existem outros desafios, como: empresas clandestinas  praticando preços abaixo do mercado, a centralização das informações  dos clientes de modo a poder geri-las adequadamente, tornar a  comunicação tão veloz e efetiva quanto necessário e ainda agir  rapidamente no momento de uma ocorrência. Boa parte desses problemas pode ser resolvida com um atendimento de excelência, que  inicie no momento da contratação dos serviços e se estenda  indefinidamente, levando o cliente até a fidelização.

O que se percebe também é que fatores como economia, praticidade e  agilidade têm contribuído para que a adesão ao SMS seja crescente. Em  uma situação prática, empresas de vigilância podem enviar, via SMS,  protocolos de atendimento a cada cliente que tiver uma demanda aberta,  em andamento ou concluída. Além disso, pacotes de serviços podem ser  oferecidos a grupos de contatos, de acordo com o perfil de cada empresa  cliente. Outra aplicação do SMS é o envio de alertas instantâneos em caso  de ocorrência de imprevistos em algum evento do cliente. 

Pode oferecer dicas e protocolos de segurança a serem desenvolvidos  tanto no âmbito familiar quanto profissional, visando proteger  funcionários e familiares. Também é possível que você preste  informações mais técnicas, como preços, passos para implementação de  um sistema de segurança e como sua empresa pode ajudar. 

Para aqueles leads mais avançados no funil de vendas, você pode oferecer  a visita de um consultor ou uma avaliação gratuita do local a ser protegido.  É mais uma forma de demonstrar o cuidado que sua empresa tem ao  tratar de algo tão essencial para qualquer ser humano: segurança. 

Exemplos de uso de SMS em empresas de segurança e vigilância

[SEGURADORA] Sérgio, ao andar sozinho à noite, procure não ficar muito próximo a muros e locais escuros. Busque ruas iluminadas e com movimento. 

[SEGURADORA] Felipe, são 22h e o seu sistema de alarme não foi ativado. Favor conferir e caso necessite de um retorno nosso, responda SIM p/ esta msg.

[SEGURADORA] Rafael, mantenha sua segurança em dia! A sua fatura vence amanhã. Segue linha digitável do seu boleto xxxxxxxxxxxx

[SEGURADORA] A sua atualização cadastral foi realizada! A funcionária Verônica faz parte da lista de pessoas autorizadas a entrar em sua casa com o código 2340.

[SEGURADORA] Alerta de aquecimento na setor 2C. Por favor, verifique os equipamentos.

Como o SMS pode ajudar na segurança da sua empresa via comunicação interna

As boas práticas em comunicação interna pregam um quesito indispensável: a eficiência. Isso significa que uma mensagem institucional precisa chegar ao público interno por meio de um canal adequado, que garanta agilidade, adequação da linguagem e entrega. Nesse contexto, o SMS se mostra uma poderosa ferramenta corporativa de comunicação interna. Ele se torna uma maneira simples de aproximar a administração do negócio ao colaborador, independentemente do departamento em que ele atua. 

Assim, planos estratégicos de comunicação ganham um aliado para disseminar o discurso institucional entre o corpo funcional. Além disso, diversos processos internos podem ser otimizados, de forma que departamentos possam se comunicar, atualizar as fases em que uma demanda se encontra e acionar áreas intervenientes sempre que necessário.

No âmbito das comunicações, seu funcionário pode receber um alerta que esqueceu a janela aberta e de que o alarme vai disparar, avisando imediatamente o profissional responsável. Pode também informar atrasos na troca de escalas, deslocar um vigilante rapidamente de um local a outro e manter tudo registrado pela empresa. Avisos corriqueiros, como disponibilidade de uniformes novos, assinatura de documentos, reuniões na base da empresa, aviso de férias, entre outros, podem ser comunicados por meio de SMS, garantindo que cada profissional receba a informação praticamente em tempo real. 

Para que você tenha uma ideia, 90% das mensagens de texto são lidas em até 3 minutos após o envio, uma taxa de efetividade que nenhum outro canal de comunicação tem. Outra vantagem é que você não fica sujeito a intermediários, as mensagens são enviadas diretamente para o telefone.

O uso educativo do SMS não serve apenas para os seus clientes. Você pode aplicar a mesma estratégia para orientar e treinar sua equipe. Dê dicas de proteção, como se comportar em ocorrências, que atitudes tomar em cada situação e como manter-se atualizado nas suas funções. Uma empresa que valoriza os profissionais que com ela trabalham se destaca dos concorrentes e ganha maior credibilidade frente aos clientes atendidos.

Exemplos de SMS em empresas de segurança e vigilância na Comunicação Interna

[SEGURADORA] Unidade 2, favor se deslocar para o endereço Rua Xavier Nunes, 34. Aviso de alarme disparado.

[SEGURADORA] Assinatura de documentos no dia 05, na unidade de Gestão de Pessoas. Compareça entre as 10h e 12h. Obrigada!

[SEGURADORA] Pessoal, nova escala a partir do dia 10/12. Acessem o seu login na intranet e verifiquem seus horários. Dúvidas, procure o seu gerente.

[SEGURADORA] Curso de atualização para seguranças e vigilantes. Faça sua inscrição até 15/12 na recepção. 

Agora que você já sabe como usar SMS em empresas de vigilância e segurança, leia o artigo SMS CPAAS: 104 casos de uso de SMS para sua empresa para conhecer mais casos de uso.

Escrito por

Zenvia

Fique por dentro e confira as nossas dicas sobre o mercado mobile e interação digital.