Crie um CHATBOT para o WhatsApp com o chatbot.com

Como configurar um chatbot ideal para trabalhar nas vendas e no atendimento ao cliente. Veja o passo a passo!

este artigo, mostraremos como você pode criar um chatbot com o chatbot.com em apenas alguns minutos.

A era do comércio conversacional exige que as empresas respondam instantaneamente a seus clientes e àqueles que desejam conhecer mais sobre seus serviços. E essas conversas, embora nem sempre percebamos isso, em muitas ocasiões são mantidas com chatbots, robôs capazes de simular uma conversa com uma pessoa, cada vez mais presentes em aplicativos de mensagens.

De que modo se beneficiam as empresas que usam chatbots

Além de estar em sintonia com a era que vivemos, o uso de bots de conversação pode trazer benefícios tangíveis a sua empresa, como melhorar o atendimento ao cliente, economizar tempo e dinheiro, economizar recursos humanos, segmentar clientes e melhorar a comunicação com eles.

  • Melhorar o serviço de atendimento ao cliente devido à sensação de imediatismo que eles experimentam quando suas consultas são respondidas.
  • Economizar tempo e dinheiro, pois seu cliente não precisará ir aos seus escritórios ou centros de vendas.
  • Economizar recursos humanos, pois você não precisará designar pessoas para responder as mensagens: as perguntas frequentes podem ser respondidas através dos chatbots.
  • Segmentar os clientes, porque os bots se tornam uma fonte de informação extremamente útil e rápida para obter leads qualificados.

De acordo com um relatório da salesforce.com de 2019, a grande vantagem do uso de chatbots para o suporte ao cliente é que as pessoas esperam a mesma resposta imediata de um bot que aquela que teriam em um bate-papo cara a cara. Um bot de conversação bem configurado pode se dar muito bem nessas circunstâncias.

Chatbot.com, uma possibilidade simples de ter um chatbot para sua empresa

Vendo isso, você provavelmente estará se perguntando: posso criar meu próprio bot?

Para isso, www.chatbot.com é uma opção ótima e simples. É uma plataforma que oferece às empresas a possibilidade de criar chatbots com base em suas necessidades e preferências.

1-5

O chatbot.com não exige, a priori, nenhum conhecimento ou saber específico no momento de programar ou automatizar. De fato, é ideal e adequado para aqueles que estão começando, ao mesmo tempo que oferece uma solução profissional.

Passo a passo, como configurar um chatbot com o chatbot.com

Depois de entrar no chatbot.com, você terá a opção de se registrar, poderá inclusive experimentá-lo gratuitamente por um determinado tempo.

Quando você tiver feito isso, então, mãos à obra. Uma vez que você tenha feito login, na aba “Bot Stories”, você terá a opção de criar um bot.

2-200221

  • À esquerda da tela, apareceram várias opções para os tipos de chatbot a serem criados e também modelos padrão. Em nosso exemplo, escolha “Create bot …”.
  • Automaticamente, o chatbot.com irá pedir para nomear a história que será desenvolvida. Por exemplo, “Customer Service Bot”.

3-2

Comece a montar o esqueleto do seu chatbot.

  • Pressione START para iniciar a primeira interação.

Captura de pantalla 2020-03-15 a las 8.31.16 p.m.

  • Então, adicione a frase que irá acionar a primeira interação, conhecida como “welcome interaction” (interação de boas-vindas). O mais comum geralmente é uma saudação.

13

  • Continue adicionando frases de um cliente que podem acionar a interação, semelhantes ao “user message” (a interação “main menu”). O chatbot deve estar preparado para identificar o que lhe seja pedido; para isso, é preciso descobrir as respostas adequadas com base nessas opções.

21

  • Depois de terminar a lista de respostas para a interação “Main Menu” vista na imagem acima, vá para o botão ao lado, “Bot responses”.
  • Em “quick replies” você verá na captura de tela abaixo, adicione três botões: “support questions”, “sales request” e “talk to agent” para que o cliente possa responder à pergunta “What brings you here today” (“O que te traz aqui hoje?).

15-1

Embora pareça óbvio, não se esqueça de tocar em “Save” para salvar tudo, no botão à margem direita. Com isso, deixe pronta a primeira interação de seu bot. Assim é como o esqueleto ficará:

16

  • Repita o procedimento para desenvolver outra interação, a de “Support”. Lá, em “Button”, coloque quatro opções: ” “Help center”, “Remind password”, “Change plan” e “Go to Menu”. E aperte “Save”!

17

Com esses botões na margem esquerda (você os verá no esqueleto do bot), o próximo passo é trabalhar neles.

No esqueleto, pressione o círculo azul claro abaixo de “Remind password” e será exibido o menu “User Says” para colocar possíveis frases que possam acionar a interação (como também fizemos no anterior).

21

  • Tendo feito isso, como antes, iremos trabalhar nas respostas do bot para possíveis questionamentos do usuário (“Bot responses”). Por exemplo, uma possível resposta amigável para alguém que precisa de ajuda no caso de uma senha esquecida e a linha de diálogo que inicia o caminho para a recuperação da senha (em “Random text message” é onde se completa a frase).
  • Abaixo, é preciso preencher o que o chatbot.com chama de “Card”. Lá, escreva a linha de diálogo para que o bot diga ao usuário como resolver o problema e crie os botões de acesso. A mesma plataforma dá essa opção automaticamente e lá você pode escrever a explicação para recuperar a senha.

19

20

O esqueleto do meu chatbot continuou sendo configurado. Optei por repetir toda a operação que fiz com a interação “Remind password” para “Change plans”.

Primeiro, as frases que acionam a interação. Mais uma vez, criei as possíveis frases para acionar as respostas do bot.

21

Você imaginou bem: depois, lidei com as respostas em “Button”, com a explicação que meu chatbot deveria dar e as opções … e salvei tudo! é claro. Não se esqueça de fazer isso quando configurar seu próprio bot.

1-10

Foi assim que o esqueleto ficou depois do “Support” terminar a segunda interação:

2-200222

  • Eu ainda tinha que trabalhar em duas interações para o meu bot: VENDAS (“Sales”) e a possibilidade do usuário de falar com um agente ou assistente (“Talk to agent”). O procedimento para configurá-los foi o mesmo que eu fiz para os anteriores, com as perguntas que acionam a interação e as respostas coerentes que o robô conversacional poderia lhes dar.
  • Em “Sales”, trabalhei em mais opções, pois imaginei melhor para minha empresa imaginária. E o esqueleto ia aumentando. Ele ficou assim depois de deixar tudo nos trinques.

3-3

4

5

Nesse ponto, fiquei muito feliz com o andar das coisas. Sem muito esforço, estava configurando meu primeiro chatbot! Eu só tive que trabalhar com o mesmo procedimento na última interação: “Talk to an agent”.

  • Neste ponto, consegui automatizar o procedimento. O chatbot.com foi extremamente instintivo na hora de eu trabalhar em meu chatbot. Então eu realizei a última interação e o esqueleto se alongou novamente. Ele ficou assim:

1-11

2-200223

3-4

  • Para confirmar os meus bons pressentimentos de que o assunto estava indo bem, o chatbot.com oferece, com um botão na margem superior direita, testar a história. Obviamente, quis ver a simulação de uma conversa do chatbot que acabara de criar.

4-1

Como saber se tudo estava indo realmente bem? Cliquei em “Test story” e, nesta série de capturas de tela, mostro a conversa simulada e por que fiquei completamente satisfeito.

5-1

No lugar de um cliente, fui para “Support questions” … e a conversa continuou:

6

Para dar credibilidade e realidade à situação, optei por me colocar no lugar de alguém que havia esquecido sua senha (sim, é algo que acontece comigo com muita frequência). “Remind password” foi minha escolha.

1-12

“Ah, que bom”, eu pensei. Como seria fácil se, toda vez que eu não me lembro das minhas senhas, eu pudesse solucionar isso com um breve bate-papo. Como chefe de minha empresa fictícia, por outro lado, senti-me bem porque tive a sensação que estava me aproximando do cliente.

Zenvia Conversion e Chatbot.com, uma integração para garantir respostas rápidas

sirena 1

Assim como em 2019 desenvolvemos a integração oficial com o WhatsApp, agora nós de Zenvia Conversion, oferecemos a conexão com o Chatbot.com. Essa é uma funcionalidade para os chatbots possam colaborar nos atos de venda e no atendimento ao cliente das empresas.

A ideia é que as empresas, graças à Zenvia Conversion e à integração, possam automatizar os fluxos a partir da implementação do bot em suas linhas de vendas e / ou atendimento ao cliente do WhatsApp.

Para dar um exemplo, caso você queira usar o seu chatbot como um qualificador de leads, você pode fazê-lo com Zenvia Conversion e suas funções de arquivamento e transferência de prospectos.

Para arquivar um cliente, basta estabelecer o diálogo apropriado. De modo simples, alguém que deseja conselhos sobre a compra de um carro pode ser informado de que “no momento não há assessores disponíveis”, mas que ele será contatado em breve por um de seus vendedores.

Dessa forma, o cliente é arquivado e seu contato fica acessível para ser retomado por um vendedor capacitado para a assessoria e realização da possível transação.

Para desenvolver isso, lembre-se de como estabeleci as interações com meu chatbot, como trabalhei em cada uma delas: formulei possíveis frases de usuário que acionavam a interação (“User says”) e depois trabalhei nas respostas coerentes (“Bot responses”) para satisfazer o usuário.

Nesse caso, ao arquivar um cliente, a frase poderia ser algo assim: “No momento, não temos assessores disponíveis. Salvaremos seu número e um vendedor entrará em contato com você em breve. Obrigado por nos contatar.”

Por outro lado, a integração oferece a possibilidade de transferir um lead. Isso é ideal por se tratar de um chatbot capaz de qualificar.

Como vimos anteriormente, se as interações foram bem definidas, com as possíveis frases dos usuários que acionam a interação e as respostas apropriadas do chatbot, este bot poderá avançar em uma conversa útil para a empresa e o cliente até “realizar a transferência”.

Aqueles que optarem pela integração entre Zenvia Conversion e Chatbot.com poderão projetar o chatbot como eu fiz. Vamos lembrar:

  • Escolha a frase de gatilho da “welcome interaction” (interação de boas-vindas).
  • Adicione frases de um cliente que possam acionar a interação (o “User says”), semelhantes ao “user message”.
  • Trabalhe nas respostas apropriadas do bot (“Bot responses”), com os botões das “quick replies” para que o cliente possa responder à pergunta que você deseja que o chatbot faça (o minha foi muito genérica: “What brings you here today”?)
  • Salve tudo; pressione “Save” após cada alteração que você fizer!
  • Repita o procedimento para cada interação que você deseja adicionar ao esqueleto do seu chatbot.
  • Lembre-se de verificar como ficou o seu trabalho na opção “Test Story”, onde você poderá simular uma conversa com seu bot. O teste é ideal para ajustar detalhes.

Os clientes exigem que estejamos à altura das mudanças. É comum que, com novas ferramentas, os comportamentos habituais também sejam modificados, mas as possibilidades também se ampliam.

Zenvia Conversion busca, uma vez mais, facilitar a integração dos principais canais de marketing que sua empresa tem à disposição para atrair clientes, gerá-los e gerenciá-los da melhor maneira em plena era da conversação.

Escrito por

Nahuel Gomez

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.