[Partners] Descubra como criar um gerenciador de negócios no Facebook

Saber como criar um gerenciador de negócios no Facebook é importante para ajudar clientes a gerenciar campanhas e WhatsApp Business API. Veja!

A evolução do marketing e da tecnologia fez com que as empresas precisassem se adequar em diversos sentidos, sendo duas delas a forma e o canal que usam para se comunicar com seu público.

Nesse sentido, o marketing digital surgiu como um meio bastante efetivo e com ótimo custo-benefício para essas organizações. Ter presença virtual, com contas nas redes sociais, site, blog e canais digitais de atendimento, tornou-se fundamental para melhorar a experiência de consumo.

No que diz respeito às redes sociais, existem alguns processos que precisam ser seguidos para ter sucesso na criação e no gerenciamento das contas. Esse é o caso do Facebook e do WhatsApp, que requerem a criação de um gerenciador de negócios para funcionar corretamente e até mesmo para automatizar alguns processos.

Porém, algumas dúvidas podem surgir, sendo uma delas como criar um gerenciador de negócios no Facebook. É isso o que vamos mostrar! Descubra neste artigo o que é o gerenciador de negócios, por que tê-lo, como criá-lo, como ele influencia no WhatsApp Business API e quais cuidados tomar.

O que é o gerenciador de negócios

Como diz a própria página do Facebook Business, o gerenciador de negócios é a ferramenta do Facebook que permite ao anunciante organizar e administrar o negócio. 

Por meio dele, é possível ter controle das contas comerciais da empresa e administrar campanhas em apenas um lugar. Isso engloba não só a rede social Facebook em si, como também o Instagram Business e o WhatsApp Business API.

Além disso, no gerenciador pode-se:

  • ter acesso às páginas, contas e aplicativos da empresa;
  • ver e gerenciar os colaboradores que têm permissão para acessar as informações;
  • administrar parceiros externos (que podem ser agências de marketing, pessoas desenvolvedoras, entre outros).

Neste último caso, se você é um dos fornecedores de empresas que têm um gerenciador de negócios, seu acesso passa a ser semelhante ao dos colaboradores. Dessa forma, é possível acessar contas de anúncio e aplicativos aos quais o cliente der a permissão.

Por que ter o gerenciador de negócios do Facebook

Bom, a resposta para essa pergunta é simples: ele facilita e muito o gerenciamento de contas Business no Facebook e também de conta de WhatsApp Business API.

Em analogia à conta pessoal do Facebook, o gerenciador de negócios tem acesso a todas as configurações do perfil profissional na rede social e é por meio dele que são administradas as informações da conta de determinada empresa.

No entanto, apesar de a criação de um gerenciador de negócios no Facebook requerer a existência de uma conta pessoal, ambas não se misturam e são administradas separadamente. Dessa forma, tem-se autonomia e independência entre ambas.

Além disso, o gerenciador de negócios pode ser usado por empresas de qualquer porte, em que é possível utilizá-lo de forma intuitiva. Ainda, pode-se criar contas para os integrantes de equipes de marketing da própria empresa ou, como mencionado, para fornecedores colaborarem.

Essa é uma maneira de garantir que todos os usuários com permissão tenham autonomia para gerenciamento dos anúncios, aumentando as chances de bons resultados.

Como criar o gerenciador de negócios no Facebook

O primeiro passo sobre como criar um gerenciador de negócios no Facebook é ter uma conta na rede social, já que ele é acessado por meio de perfil pessoal ativo. Em seguida, basta seguir o passo a passo, conforme indicaremos.

1. Entre em business.facebook.com e clique no botão azul “Criar conta”, no canto superior direito da página. Faça login com seu perfil pessoal no Facebook, normalmente;

2. Preencha o formulário com nome da conta e da empresa (ou da agência), seu nome, e-mail comercial;

3. Você receberá um e-mail de confirmação e, em seguida, o gerenciador de negócios do Facebook estará criado.

Botões do menu do gerenciador de negócios

Para saber como criar um gerenciador de negócios do Facebook, é importante também ter conhecimento sobre os menus e botões da ferramenta. Veja a seguir uma breve explicação sobre cada um dos submenus. 

1. Usuários

Este é o menu onde você poderá administrar as pessoas que terão acesso àquela conta business. Sendo assim, é possível inserir, editar e remover “Pessoas” ou “Parceiros” e acessar os “Usuários do sistema”.

2. Contas

Esse é um dos principais menus de gerenciamento das contas da empresa. Neste menu, há o sub-menu que inclui:

  • Páginas (onde será possível adicionar ou solicitar uma página, a depender do nível de conta de administrador);
  • Contas de anúncio (ativo utilizado para fazer os anúncios no Facebook e no Instagram);
  • Grupos de ativos de negócios (usados para organizar e gerenciar ativos);
  • Aplicativos (que permite gerenciar os aplicativos da empresa por meio do gerenciador);
  • Contas do Instagram (que reúne as contas que a marca tem na rede social);
  • Linhas de negócios (agrupam contas de anúncios e ativos, a exemplo dos aplicativos, pixels e conjuntos de eventos offline);
  • Contas do WhatsApp (onde será possível cadastrar e gerenciar as contas de WhatsApp Business API que a marca possuir).

3. Fonte de dados

Como o próprio nome diz, é o local onde será possível rastrear as ações que o público toma no site, aplicativo ou loja da empresa.

4. Segurança da marca

Neste tópico, os administradores do gerenciador podem cadastrar os domínios que estarão ligados à conta, além de criar listas de bloqueio para impedir que seus anúncios sejam exibidos em lugares inapropriados ou inseguros para a marca.

5. Registros

Submenu mais utilizado por páginas de notícias, sendo o local em que o Facebook acompanha conteúdos com esse teor. Sendo assim, aplica-se a veículos jornalísticos, em sua maioria.

6. Integrações

Submenu no qual será possível adicionar e gerenciar as integrações de softwares e APIs de parceiros do Facebook, facilitando a implementação de e-commerces e sites.

7. Pagamentos

Este é o local no qual serão cadastrados os meios de pagamento que serão usados nos anúncios e ativos. É possível adicionar, editar e remover cartões de crédito de maneira segura.

8. Centro de segurança

Diz respeito ao local em que será aplicada a autenticação em dois fatores, dando ainda mais segurança para o gerenciamento da conta. Além disso, trata-se do submenu no qual pode-se adicionar administradores à conta, além de solicitar ao Facebook a verificação da empresa (para aprovação da conta).

9. Solicitações

Local em que aparecerão as solicitações de acesso de outras pessoas àquela conta do gerenciador de negócios. Divididas em Recebidas, Enviadas e Convites, permite aprová-las ou não.

10. Notificações

Tratam-se de configurações pessoais de cada administrador, que poderá definir as notificações que deseja receber da plataforma, seja por meio dela própria ou, ainda, por e-mail.

11. Informações da empresa

Submenu em que é feita a configuração inicial da conta da empresa ou da agência, sendo inseridos Razão social, Endereço, Telefone comercial, entre outras informações. A partir desse preenchimento, pode ser solicitada a verificação da conta por parte do Facebook Inc.

12. Guia de configuração

Miniguia com as principais informações e dúvidas que os usuários podem requerer para fazer uso do gerenciador de negócios.

Quais cuidados tomar durante a criação da conta

Existem alguns cuidados que devem ser tomados na criação de gerenciador de negócios do Facebook. Veja a seguir alguns deles.

Criar um para empresa e outro para a agência

Profissionais de mídia que atendem empresas com contas no gerenciador de negócios devem criar uma para o cliente separadamente daquela referente à agência. Essa é uma maneira de garantir que cada um terá ativos e níveis de controle próprios. Apesar de não ser algo obrigatório, isso simplifica a separação das ações para cada um e evita problemas futuros.

Ter contas separadas de diferentes clientes

Na mesma linha de raciocínio do tópico anterior, é fundamental que cada cliente tenha sua conta de anúncios própria, inclusive separadamente da conta da própria agência ou consultoria de mídia. Dessa forma, formas de pagamento, CNPJ e anúncios também devem ser diferentes. Assim, o gerenciamento é simplificado, evitando confusões entre diferentes empresas atendidas.

Atentar para os dados da empresa

O Facebook tem algumas restrições e diretrizes bastante específicas para criação de contas no gerenciador de negócios. Por isso, ao fazer isso, é preciso garantir que os dados da empresa sejam inseridos de maneira correta e verdadeira. Além disso, o nome da empresa cadastrada na ferramenta deve ser idêntico ao nome público para aprovação da conta e endereço comercial e razão social também devem estar atualizados.

Usar o domínio da própria empresa

Como mencionado, o Facebook tem diretrizes que devem ser seguidas para que a conta no gerenciador de negócios seja aprovada. Sendo assim, ao cadastrar o site da empresa, é preciso usar o domínio oficial da marca. 

Definir o fuso horário e a moeda corretamente

Uma vez definido o fuso horário da conta de anúncios, este não poderá mais ser modificado. Por isso, é importante se certificar de que está cadastrando corretamente. O mesmo acontece com a moeda: a partir do momento em que for definida, não pode ser alterada.

Contar com um BSP oficial para a conta de WhatsApp Business API

O gerenciador de negócios do Facebook é um pré-requisito para empresas que desejam ter conta de WhatsApp Business API. Ele permite ter múltiplos atendentes, inserir informações oficiais na conta (tornando-a mais confiável para o público), usar inteligência artificial, adicionar chatbots e ter relatórios de mensuração dos atendimentos.

No entanto, ainda que para ter um gerenciador de negócios no Facebook não precise de intermediários, para criar uma conta de WhatsApp Business API para seus clientes, é fundamental contar com a parceria de um BSP, ou seja, parceiro oficial do WhatsApp. Assim, é possível ter ainda mais chances de aprovações rápidas de templates e obtenção de contas realmente verificadas.

Saber como criar um gerenciador de negócios no Facebook para clientes é um passo e tanto para atendê-los de forma ainda mais completa. Dessa maneira, fica mais fácil gerenciar as campanhas da marca em diferentes plataformas e também dar passos além, como a implementação de WhatsApp Business API.

Por falar nele, aproveite para conferir como criar uma conta de WhatsApp Business API e veja quais são os benefícios de usá-lo!

Escrito por

Marcela Melo

Fique por dentro e confira as nossas dicas sobre o mercado mobile e interação digital.